artLisboa - 3 de Dezembro


A APARÊNCIA do Art Lisboa

A azáfama inicial contrasta com a paz que se faz sentir quando as luzes do palco do Teatro Lanterna Mágica inundam aquele espaço sempre que é dia de Art Lisboa. A noite de 3 de Dezembro, não foi excepção. Para alguns este teve um sabor ainda mais especial... e na parcialidade que me é permitida enquanto escrevo estas linhas, por também eu ter feito tão parte deste último Art Lisboa, atrevo-me a caracteriza-lo como abençoado. Se calhar porque o intuito da arte de ajudar já começa a ter a capacidade de mudar a vida de muitos dos que lá estiveram presentes, depois do toque é esperar que o trabalho seja feito, que molde e que transforme e que cada um de nós seja merecedor de ser testemunha disso mesmo.
O som reggae de um tema da BandArt deu o sinal de abertura introduzindo a Paula nas lides da apresentação da noite tendo como parceira a Rute, também ela vocalista da banda residente do Art Lisboa. Cadeiras, escadas, galerias e até o chão serviram de assento aos inúmeros jovens que deram vida ao primeiro Art do mês de Dezembro. Sala cheia e cartaz recheado. Ia falar-se de APARÊNCIA e dos conceitos inerentes a ela, naquele que é assinalado do Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, apesar de muita gente só o ter sabido aquando da reflexão final, que por acaso foi feita por mim. Fui eu, mas não foi por acaso. Nem os convidados daquela noite o eram. Cumpriu-se o plano, simplesmente.
Os Curta Metragem tocaram pela primeira vez no Art, ainda em Algés, e na noite de 3 de Dezembro estrearam temas daquele que há-de ser o seu primeiro disco de originais prestes a ser editado no palco do Art Lisboa, agora no Bairro do Alvito. A seguiram foram os King's Kids que fizeram da dança e dos gestos um instrumento para mostrarem a missão que desenvolvem. A Rute Pericão estreou o seu primeiro trabalho de originais - "Não há Amor Maior" - para o público do Art Lisboa que o pôde comprar logo a seguir. A pausa para a importância da conversa partilhada aconteceu exactamente numa altura em que o Art ia sensivelmente a meio. Com uma estilista de moda entre os presentes foi mesmo a ela que foi pedido para dar a sua opinião acerca das conotações negativas e positivas que a importância da aparência pode trazer à vida de alguém. O público esteve participativo e palavras-chave como: moda, juizos de valor, busca de perfeição, imagem, imitação, sociedade padronizada, beleza interior e exterior e espelho de condição social, ouviram-se e discutiram-se interactivamente num espaço onde o objectivo é que as pessoas falem umas com as outras e saiam de lá menos vazias do que entraram, à partida. O Presidente da Direcção de Lisboa do Grupo Bíblico Universitário (GBUL), o Sammy, veio ao Art Lisboa apresentar o grupo e as actividades por eles (nós) desenvolvidas no seio da comunidade escolar. Hallelujah (de Leonard Cohen) emocionou a plateia na voz do cantor David Ripado acompanhado ao piano pelo seu ex-professor, pianista e amigo Ruben Alves, também ele organizador do projecto Art Lisboa. Seguiram-se Simples Recorte e Voltas no Céu, este último tema tocado com mais dois elementos da banda do David, na bateria o Marcos e na guitarra o Levi. Ainda antes do fecho do Art Lisboa sempre a cargo da BandArt e dos respectivos agradecimentos, coube-me a mim o previlégio de fazer a reflexão final acerca do tema central - Aparência - e falar um bocadinho daquela que será a Gala de Natal do Art no próximo dia 17 de Dezembro, às 20h30.
A luz que me cegou a vista do palco enquanto lia o texto iluminou o coração de muitos e aqueceu a alma dos mesmos. É um sentimento único sentir-me usada, na medida que foi... venham mais Art's Lisboa.

Mafalda Ribeiro
06.12.2005

8 comment(s):

eu vouuuu

By Blogger Migalha, at 10:17 da manhã  

:) Boa! Já foste a algum art ou é o primeiro a q vais? Já agora onde ouviste falar do artLisboa?

By Blogger artLisboa, at 10:15 da tarde  

Olá
hehehehe,

sabes foi uma amiga minha que me enviou o link fiquei tão contente e gostei do blog também,
Olha eu sou de Lisboa, mais propriamente de Sintra da, vai ser a primeira vez mas estou contente e ficas ja a saber que já enviei um mail para os meus amigos com a imagem do Art e com o link para o blog precisamos de Art's precisamos de cultura, precisamos de tudo isso acompanhado da sabedoria de Cristo e da Graça maravilhosa que nos liberta para aprender a escolher o que é bom. olha este é o meu bloghttp://amigalha.blogspot.com/ sou nova nisto nao entendia nada de blogs, só há dois dias o criei mas agora começo a gostar disto, bom já estou a escrever bué ; )
Adeus um beijinho.

By Blogger Migalha, at 9:07 da tarde  

Olha se quiseres receber informações acerca do artLisboa manda-nos um mail para artlisboa@gmail.com com o teu mail e nós adicionamos-te na nossa mailing list.
Beijinhos e até dia 3!

By Blogger artLisboa, at 10:03 da tarde  

Vai ser um Art memorável!
Não podem perder!
EU VOU ;)

By Blogger Priscila, at 12:44 da tarde  

Olha e que temos que levar, como podemos ajudar???
Tenho uma coisa para depois distribuir por todos lá, é um postal muito giro que diz Peace, tenho muitos e gostava de oferecer a todas as pessoas que fossem, como posso fazer isso????

trabalho numa agencia de meios e esse postal foi feito pela agencia é para se distribuir gratuitamente, não tem publicidade, tem apenas a palavra Peace escrita, acho-o tõ bonito que gostava de oferecer a toda a gente, levo á volta de 100 para oferecer,
beijinhos,
migalha

By Blogger Migalha, at 5:39 da tarde  

gostei muito deste art e e Deus quiser estou batida no proximo.

By Blogger Migalha, at 3:24 da tarde  

óptimo texto Mafalda!
retrata mto do que foi este Art

By Blogger Priscila, at 8:32 da tarde  

Post a comment

<< Home